google-site-verification: google229f114e74a2ee01.html

 

Translate this Page

Rating: 4.7/5 (17566 votos)




ONLINE
1





Partilhe esta Página




PROCURA-SE UM CULPADO
PROCURA-SE UM CULPADO

Muitas pessoas tentam justificar a sua inércia, a sua falta de coragem em promover mudanças na sua vida, procurando um culpado. E o que não falta são situações ou pessoas contra quem lançar essa culpa conveniente: a crise econômica que reduz as oportunidades, o chefe que não concede uma promoção porque não reconhece o seu mérito, a esposa possessiva e ciumenta que não dá espaço para o seu crescimento profissional, o marido exigente que não lhe deixa sobrar tempo para investir em si mesma. Sem falar na mais atual e mais utilizada que é a pandemia do Coronavírus.

Essas pessoas se colocam sempre na posição de vítimas, porque transferir a responsabilidade lhes deixa na cômoda situação de poder reclamar, choramingar e não fazer nada porque a culpa não é delas.

Convenhamos que realmente é uma solução mais atrativa do que fazer uma autoanálise de si mesmo e admitir que precisa promover mudanças em sua vida, pois isso exige esforço, sacrifícios e atitudes diferentes, coisas que nos tiram da zona de conforto. Mas é justo se sentir confortável em uma situação aflitiva ou de estagnação e querer que as coisas mudem para melhor?

Como disse Albert Einstein: “Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes.”

topo